Papel Brasil feito à mão

Difusão > Papel Brasil feito à mão

Programa de difusão intinerante, apresentando os resultados de cinco pesquisas com fibras vegetais para a produção de papel artesanal, em andamento na Papeloteca Otavio Roth, através de exposição, palestras e laboratórios.

bannerpbalteradoDescubra o Brasil aprendendo como se faz papel artesanal aproveitando resíduos de fibras vegetais das regiões:

Nordeste ………………. Cana pra que te quero
Sertão Baiano ……….. Sisal , fibra valente
Paraná …………………. Papel do lixo da seda é um luxo
Norte ……………………. Yes, nós temos papel de banana
Rio Grande do Sul …. Arvore-se em papel de pinus

Exposição

Mostra de papéis artesanais de fibra de cana-de açúcar, sisal, amoreira, bananeira e pinus em acervo na Papeloteca Otavio Roth, incluindo também desde as matérias-primas utilizadas até a aplicação dos papéis em objetos criativos.fotopbmostra

De 19 de abril a 27 de maio de 2005
Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico. UFRGS

De 3 a 4 de junho de 2005
Biblioteca Municipal de Alvorada

Palestras

Apresentação, com apoio de data-show e vídeos, dos relatos de pesquisas em andamento na Papeloteca Otavio Roth, referentes à produção de papel artesanal a partir de resíduos agrícolas.

fotopbpalestraCana pra que te quero, do açúcar ao álcool, uma história de grandes números e muitas emoções que pode resultar em um papel ecologicamente correto.
26.abril de 2005 Escola Técnica da UFRGS

Sisal, fibra valente, como quem o cultiva permite um papel forte e bonito, viável para o artesão e a indústria.
05.maio de 2005 Escola Técnica da UFRGS

O lixo da seda é um luxo, quando aproveitamos os resíduos vegetais da criação do bicho da seda para fazer o tradicional e sofisticado papel de amoreira.
10.maio de 2005 Escola Técnica da UFRGS

Yes, nós temos banana, usando o caule da bananeira como matéria-prima de papéis delicados e resistentes comparáveis ao papel japonês usado no restauro de livros.
17.maio de 2005 Escola Técnica da UFRGS

Arvore-se em pinus, fazendo papéis muito criativos ao acrescentar à celulose industrial de pinus os abundantes elementos expressivos da própria árvore.
24.maio de 2005 Escola Técnica da UFRGS

Laboratórios

Demonstrações práticas da confecção de papel artesanal utilizando fibras naturais de cana-de-açúcar, de sisal, de amoreira, de bananeira e de pinus.
26 de abril e 05,10,17 e 24 de maio de 2005
Laboratório de Papel da Escola Técnica da UFRGSfotopblaboratorio
Realização:
Papeloteca Otavio Roth >> Ana Leyen, Celina Cabrales, Gladis Uzun Fleishmann, Heloisa Franco, Inácio Mecking, Josmeri Pergher Puhl, Margarete Beatriz dos Santos, Regina Maria Escosteguy Flores da Cunha e Tânia Ávila Barros.

Promotores:
Incubadora Tecnológica de Reciclagem da UFRGS com o apoio da Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico da UFRGS e SEBRAE.
Secretaria Municipal de Educação de Alvorada

Para agendar esta atividade no todo ou em parte, utilize Contato.

Anúncios

Posts Recentes