Papéis

Acervo > Papéis

fotopapeiscoresA deslumbrante variedade de texturas, padronagens, cores, gramaturas, dimensões e aromas do papel artesanal está reunida em centenas de amostras na Papeloteca Otavio Roth.

Papeloteca é um nome cunhado a partir dos termos papel + teca (coleção). Assim como em biblio + teca, video + teca, ludo + teca…

Nossa coleção de papéis está organizada sob alguns critérios, segundo a abrangência e relevância da informação de que dispomos de cada exemplar do material:

  • nacionalidade
    Brasil, Uruguai, Argentina, Japão, Nepal, Índia, Madagascar,…
  • local de produção
    Museu-Molí Paperer de Capellades, Museo della Carta de Fabriano, Molino La Villa, Moinho da Carvalha Gorda…
  • identidade do produtor
    Arnaldo Machado, Diva Buss, Luiz Ramos …
  • relevância histórica local
    Papéis do ano da fundação da cidade de Porto Alegre (1771), Papéis da primeira oficina coletiva no Rio Grande do Sul (1989), Primeiro papel feito na Usina do Papel (1992)…
  • matéria-prima
    • exótica
      Gampi, kozo, mitzumata, dafne, avoha …
    • nativa
      Tatajuba, cachimbeira, abacaxi, embira, milho, pinhão…
    • aclimatada
      Linho, cânhamo, juta, trigo, arroz, alho, lirio-do-brejo, côco…
    • reciclada
      Celulose pós consumo ou virgem de pinus, eucalipto, bambu, abacá, algodão…
  • resultados de pesquisa própria em
    Bananeira, sisal, cana-de-acúcar e amoreira.

O trabalho voluntário dos colaboradores e a doação de exemplares tornam possível os serviços que prestamos. Peça e ofereça.

Anúncios

Posts Recentes